Ads Top

Steven Moffat diz que final da terceira temporada nos deixará arrasados. Veja nossas teorias!


Steven Moffat prometeu que o clímax da terceira temporada "deixará as pessoas mais frustradas do que nunca".
Falando no BAFTA Craft Awards, o roteirista revelou que ele e Mark Gatiss já planejaram o final da terceira temporada: "Nós tivemos uma reunião e decidimos o que iremos fazer e como iremos chegar lá, e acho que temos um clímax para a próxima temporada que deixará as pessoas mais frustradas do que nunca estiveram."
Ele também expressou orgulho pela maneira como Sherlock fingiu sua morte em A Queda de Reichenbach: "Sabemos o que estamos fazendo. Se Sherlock Holmes irá fingir sua própria morte, melhor que seja a melhor morte falsa de todos dos tempos. Acho que está bem boa." 


Pensando na dica dada por Steven Moffat, nos voltamos para as histórias originais de Sir Arthur Conan Doyle em busca de pistas. Imaginando que nada poderia frustrar mais um fã de Sherlock que algo de ruim acontecer a um dos personagens principais, listamos quatro histórias que podem servir de inspiração para tal "clímax frustrante", que provavelmente será também o gancho para a quarta temporada.

Note que a criatividade de Steven Moffat, Mark Gatiss e Stephen Thompson é infinita e é provável que possam aparecer com um acontecimento inteiramente original para a série. Mas achamos que especular é divertido! 

UPDATE: Steven Moffat & Mark Gatiss revelaram que os temas para a terceira temporada serão: Rat, Wedding e Bow. "Bow" nos remete diretamente à His Last Bow ou "O último adeus de Sherlock Holmes". Será a aposentadoria de Holmes?

Caso ainda não tenha lido as histórias originais, não é indicado prosseguir a leitura.




O Pé do Diabo (1910; O Último Adeus de Sherlock Holmes)

Nesta história, Holmes está sofrendo de estafa e por indicação médica vai para o campo passar alguns dias de descanso. Porém, a morte misteriosa de três irmãos do inquilino do vigário local o obrigam a sair do repouso e Holmes descobre que o irmão sobrevivente tentara assassinar os outros colocando um veneno na lareira. Para tanto, ele faz uma experiência consigo e Watson, quase colocando os dois em risco de vida. Reconhecendo a imprudência, Holmes se desculpa com o Watson por colocá-lo em perigo.

Apesar de Mark Gatiss já ter utilizado o mesmo expediente de Holmes drogando Watson (ou tentando, por acreditar que a droga alucinógena estava no açúcar) em "O Cão de Baskerville", os roteiristas poderiam usar algum envenenamento ocorrendo entre John e Sherlock para preocupar os espectadores. Mas parece improvável.

O Detetive Moribundo (1913; O Último Adeus de Sherlock Holmes)
Nesta história, Holmes finge ter contraído uma doença exótica e estar à beira da morte, enganando até mesmo Mrs. Hudson e seu caro Watson. Sabemos de um Holmes pálido e excessivamente magro, que havia ficado vários dias sem comer e beber a fim de fazer uma atuação convincente e enganar o vilão para quem está preparando a emboscada.

Parece igualmente improvável que o "clímax frustrante" esteja em alguma doença supostamente fatal enfrentada por Holmes; não tem o estilo da série e parece um gancho fraco, funcionando muito mais como início do que fim. Mas é sempre bom ficar de olho.

Os Três Garrideb (1924, Parte 1 e 1925, Parte 2; Histórias de Sherlock Holmes ou Arquivos de Sherlock Holmes)

Aqui as possibilidades são mais quentes. Holmes soluciona o caso de uma trapaça envolvendo o sobrenome Garrideb e quando os dois companheiros se encontram frente a frente com o vilão, ele inesperadamente saca o seu revólver atingindo Watson. Na história, o ferimento é leve e não apresenta nenhum risco mas o acontecimento é um prato cheio para atiçar a imaginação dos astutos roteiristas e criar uma situação verdadeiramente tensa na terceira temporada. 

Na história original, é tocante a preocupação que Holmes demonstra com Watson (podemos ver algo semelhante na série quando Sherlock arranca a bomba do corpo de John em "O Grande Jogo", também escrito por Mark Gatiss) e sabendo como os criadores gostam de mostrar a forte amizade entre os dois (e também nos surpreender), talvez possamos esperar por algo parecido em algum momento da série.

O Cliente Ilustre (1924; Histórias de Sherlock Holmes ou Arquivos de Sherlock Holmes) - Nossa maior aposta

Se alguém quer frustrar o espectador com um acontecimento forte do Cânone, é provável que pense no que acontece com Holmes em "O Cliente Ilustre" para nos lograr. Na história, Holmes é contratado para impedir o casamento de uma dama com um dos homens mais perversos da Inglaterra - depois de Moriarty e Sebastian Moran. Após uma conversa educada e, nas palavras de Holmes, afável, o vilão ameaça a vida de Holmes, que não se intimida e acaba por ser espancado. A notícia no jornal pega Watson de surpresa, e apesar de sério, o caso não é grave e Holmes se recupera com o passar dos dias. Porém, para enganar o vilão, Holmes deixa que se divulgue que ele está à beira da morte. 

Ainda que seja um caso de repetição - a vida de Holmes novamente em risco - por não se tratar de uma armação, este é um acontecimento que pode ser utilizado para chocar o público com o bônus de também nos fazer acreditar que Holmes está correndo um grave risco de vida e aumentar a ansiedade para a quarta temporada.

Estas são as nossas apostas para o grande clímax da terceira temporada de Sherlock - e será uma delícia se todas estiverem erradas e Moffat e Gatiss nos surpreenderem com algo inteiramente novo! 

Se você ainda não leu os originais e mesmo assim leu este post, vale a pena procurar os livros originais. São histórias rápidas que prendem o leitor e você irá se divertir encontrando as inúmeras referências usadas na série.

Clique aqui e veja o que já sabemos sobre a terceira temporada!

3 comentários:

  1. OUUUUUUUUUUUUU eles sabem que esxiste um publico ENORME fãs de JOhnlock e vão fazer o John se casar, o que seria triste de mais T_T
    HSUASHAUHSAUSHUAHSUAHSUAHSUAHSUAHSUAHS mas acho que não rs

    ResponderExcluir
  2. Eu acho que vocês estão apostando bem. São boas histórias, e com certeza a ideia de um ferimento grave, sobretudo no John, poderia nos deixar abaladíssimos! E excitados por vermos o Sherlock preocupado com o John, pois como a Mylena disse, há um bom número de fãs "Johnlock", e tanto os atores como os rosteiristas sabem disso, e isso seria um prato cheiro. Mas no fundo eu ainda acho que o que nos deixariam realmente frustrados seria mesmo a aposentadoria do Sherlock. E aquela dúvida no ar: Será que vai ter quarta temporada? Mas ao mesmo tempo que isso me parece a única coisa mais provável que aconteça, eu ainda duvido, pois é difícil acreditar que essa série se finde tão rápido. Vamos torcer para que não \o/

    ResponderExcluir
  3. ÉÉÉ então,eu apoio johnlock e já não estou gostando dessa ideia de botarem o John pra casar com a Mary nessa série ..
    mas gostei da ideia do John se ferir só pro Sherlock ficar preocupado com ele. Hahaha

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.